Investimentos Mais Rentáveis Para Quem Pretende Aplicar Dinheiro

Quem pretende aplicar dinheiro esbarra sempre na mesma dúvida: Quais os investimentos mais rentáveis? A verdade é que existem inúmeras formas de investir aquele dinheiro que sobrou do salário e que você tem guardado para render. Veja aqui as formas de aplicação e qual delas se encaixa mais no seu perfil.

A caderneta de poupança ainda é o investimento mais popular do Brasil, mas, de uns tempos para cá, houve mais saques do que aplicações. Os fatores que explicam a decadência deste tipo de investimento é a crise que assolou o país, além da baixa rentabilidade que não está conseguindo superar a inflação.

Para quem vai resgatar dentro de alguns meses, não há problema, mas o investidor que pretende juntar para usar em alguns anos pode ser danoso, isso porque o dinheiro aplicado vai perdendo seu poder de compra com o tempo.

Assim, quem não precisa do dinheiro para seus gastos do dia a dia e tem planos de prazo mais longo está preferindo migrar para investimentos mais rentáveis. Existem no mercado investimentos tão seguros quanto a poupança e também acessíveis a qualquer investidor pessoa física.

Para fazer parte dos investimentos mais rentáveis e substituir a caderneta de poupança, é preciso ter baixo risco, alta liquidez, rentabilidade pós-fixada atrelada à taxa básica de juros e taxas de administração baixa.

Confira os investimentos rentáveis que se adequam ao quadro

investimentos mais rentaveis

  • Certificados de Depósito Bancário (CDB)

Por meio do CDB, o investidor empresta dinheiro para o banco desempenhar suas atividades e em troca ganha rendimentos. Não há cobrança de taxas, apenas IOF sobre os rendimentos e imposto de renda.

Os Certificados de Depósito Bancário para serem considerados investimentos rentáveis, devem ter liquidez diária e render um percentual do CDI, – Certificado de Depósito Interbancário – ou seja, a taxa de juros das operações de empréstimos entre bancos.

  • Tesouro Selic (LFT)

O Tesouro Selic é um título de dívida emitido pelo governo federal o que faz com que seu risco de calote seja um dos menores do país. Como é atrelado à taxa Selic, há um risco mínimo de o investidor perder dinheiro se vender o título antes do vencimento.

Uma das vantagens deste tipo de aplicação é que qualquer pessoa física pode investir com pouco valor. O investimento inicial é de apenas 30 reais.

Neste investimento, há taxas e cobrança de imposto de renda – e de IOF para aplicações de prazo inferior a 30 dias. Para ser melhor que a poupança, é preciso se atentar para a taxa cobrada pela corretora, evitando cobranças altas.

  • Fundos Renda Fixa

Fundos de Renda Fixa são fundos que administram o dinheiro de vários investidores e podem ser investidos como títulos atrelados a créditos e a inflação, títulos do tesouro pré ou pós-fixados, letras cambiais e até debêntures de empresas grandes com capital aberto.

A rentabilidade de cada fundo é variada, já que os ativos são escolhidos com mais liberdade e depende da política de cada fundo. Os fundos costumam ter alta liquidez, já que normalmente é possível resgatar o dinheiro investido em dois ou três dias após a aplicação.

  • LCI e LCA

O LCI e LCA são ativos de letra de crédito (imobiliário e agronegócio) emitidos por bancos e lastreados por empréstimos. É um investimento rentável e de baixo risco, porém a liquidez também é baixa, já que o dinheiro só pode ser movimentado após o vencimento do título.

A grande vantagem é que o LCI e o LCA são isentos de cobrança do imposto de renda.

 Investimentos mais rentáveis em 2017

investimentos-mais-rentaveis

Segundo levantamentos, os investimentos mais rentáveis nos seis primeiros meses deste ano foram, primeiramente o euro e, em seguida, o ouro.

  • Euro

Sim, a moeda de vários países do velho mundo foi o investimento que trouxe mais retorno no primeiro semestre de 2017. No acumulado de janeiro a junho, a moeda teve valorização de 11,05%.

Um dos fatores que levaram a essa alta foi o fortalecimento do presidente francês Emmanuel Macron, cujo partido venceu as eleições para o parlamento.

  • Ouro

Em segundo lugar no ranking de desempenho das  aplicações financeiras de 2017 aparece o ouro, com alta de 10,69% no acumulado do ano.

Os fundos de renda fixa e fundos atrelados à taxa DI vêm na sequência, com 5,81% e 5,77%, respectivamente. Já a poupança teve rendimento líquido de 3,56% no período.

Como encontrar investimentos mais rentáveis

Se ainda está em dúvida sobre a modalidade a se investir, existe uma ferramenta que pode te ajudar. Na plataforma Yubb, você preenche o valor de investimento e o prazo de resgate. Assim, a ferramenta compara a rentabilidade de aplicações oferecidas por bancos e corretoras.

O buscador é gratuito para usuários e pode ser usado pelo site ou pelos apps para sistema Android e iOS. A ideia do aplicativo é ajudar aqueles investidores que querem sair da zona de conforto e ir além da caderneta de poupança.

Além do Yubb, outras plataformas comparam a rentabilidade de investimentos. Um exemplo é o aplicativo Renda Fixa que compara aplicações de 18 corretoras e está disponível para sistemas diversos sistemas. A ferramenta  conta com chat para investidores trocarem experiência.

É importante construir um portfólio

investimentos-mais-rentaveis

Para encontrar o investimento mais rentável é importante entender qual é o seu perfil como investidor. O melhor é pesquisar e saber que cada aplicação possui suas próprias características de risco e liquidez, além das tributações e possíveis taxas.

O importante é construir um portfólio de investimentos dentro do que deseja, sem afetar suas economias, atingindo assim suas metas financeiras.

 

Seja Um Investidor Inteligente!

Insira o seu endereço de e-mail abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!>

Ebook Grátis: Como Investir no Tesouro Direto
Como Investir Com Rendimento
  • Passo a Passo como investir
  • Qual o melhor título para investir
  • Rentabilidade de cada título
  • Prática do início ao fim
  • Um das melhores aplicações atualmente
  • Saiba porque fugir da poupança