Procedimento Para Escolher as Melhores Ações Para Investir

Escolher as melhores ações para investir é uma decisão para aqueles investidores que buscam algo mais lucrativo para as suas economias, mesmo que elas não sejam tão seguras como a renda fixa.

No caso das melhores ações para investir, a rentabilidade pode ser maior, mas a responsabilidade cresce visto que o seu ganho depende do posicionamento de mercado em relação a determinada empresa, baseado nas possibilidades de perda caso não haja uma boa estratégia, disciplina e isenção emocional.

Por isso, para escolher as melhores ações para investir, é importante buscar ajuda primeiramente de uma corretora credenciada no sistema BM&FBovespa, que conheça o funcionamento da bolsa de valores, da compra e venda de ações, bem como de outros ativos e derivativos, como opções, e também os mecanismos que regem a alta e a baixa de preços desses papéis, além de saber identificar e interpretar as movimentações e planejar os próximos passos caso a ação esteja valorizada ou quem queda.

Como classificar as melhores ações para investir?

Para entender como funciona a bolsa de valores e onde as melhores ações para investir estão inseridas, é preciso primeiro saber o que são ações.

Ou seja, ação é uma pequena parte do capital de uma empresa que é vendida no mercado. Quem detém uma ação é considerado investidor ou sócio daquela empresa (Fonte Internet).

E a empresa só tem ações na bolsa se ela se decidir lançar neste mercado, abrindo um capital a fim de captar recursos financeiros para investir no crescimento da marca.

Por que escolher as melhores ações para investir?

Quem busca as melhores ações para investir está de olho na busca por ganhos em longo prazo.

Isso porque as ações representam bem mais lucro do que aplicar o dinheiro em uma renda fixa.

Apesar dos altos juros do Brasil, as ações continuam sendo uma ótima escolha, por isso você pode investir o seu dinheiro buscando empresas com mais solides no mercado a fim de encontrar um retorno financeiro capaz de bater todas as expectativas que você almejou.

Vantagens de investir em ações

Bem, mas quais são as demais vantagens em investir nas ações? Separamos algumas delas:

  • Você pode investir com pouco dinheiro;
  • Recebe dividendo periodicamente;
  • Sua rentabilidade é ao longo prazo mas é considerada a mais importante porque gera um lucro maior do que os demais investimento;
  • Você pode comprar ou vender suas ações no momento em que quiser;
  • É possível alugar suas ações fazendo um empréstimo de ativos e ganhar um rendimento extra;
  • No caso do Imposto de Renda (IR), os rendimentos são cobrados apenas quando o investimento sai e apenas se o resgate for superior a R$20 mil;

Ganhar dinheiro com ações

Existem diversas formas de investir dinheiro com ações, sendo basicamente em 4 formas:

  • Clubes de Investimento – É quando você se une a um grupo de pessoas para investirem juntos, somando os recursos de todos os integrantes. Assim, vocês têm a possibilidade de investir um capital maior, e dividem os ganhos e perdas proporcionalmente ao montante que cada um investiu.
  • Fundos de Investimento – É um fundo de ações criado e administrado por um banco ou corretora. Para investir em um fundo de investimento, você compra cotas. Então a sua rentabilidade é proporcional ao número de cotas que você possui, de acordo com o desempenho do fundo.
  • Fundos de Índices – São  fundos que compõem o Índice Bovespa, Índice Small Caps e outros. Eles investem nas ações que o compõem com o objetivo de ter o mesmo retorno que o índice alcançou.
  • Compra direta de ações – Essa é uma forma direta de investir em ações pela internet, e também a principal e mais rentável, pois você tem completo domínio dos seus investimentos.

Custos para investir em ações

Ao investir em ações, os principais custos que você poderá ter são:

  • Taxa de corretagem – É a taxa cobrada pela corretora cada vez que você emite uma ordem. Quando você compra a ação, você paga a taxa de corretagem e quando você vende a ação, você paga novamente;
  • Taxa de custódia – É uma taxa mensal cobrada pela BM&F Bovespa pela guarda de suas ações. Algumas corretoras não repassam esse custo ao investidor e oferecem custódia gratuita;
  • Taxa de emolumentos – Cobrada pela BM&F Bovespa, é uma taxa proporcional ao valor envolvido na compra e venda de ações;
  • Taxa de administração: É uma taxa calculada proporcionalmente ao período e valor da aplicação no fundo de investimento;
  • Taxa de performance – É cobrada caso o fundo de investimento atinja uma rentabilidade acima da esperada;

Assim, com essas informações, fica mais fácil entender sobre as melhores ações para investir. Veja se ela se encaixa no tipo de investimento que está buscando e quais os procedimentos devem ser feitos para ter sucesso nesta área.

Dica Extra: Convido você a assistir uma aula online e gratuita onde meu xará André Fogaça ensina “Como Ganhar de R$ 1 mil a R$ 5 mil por mês com dividendos”.

Mas calma, muita calma…. eu sei que essa promessa parece boa demais para ser verdade e eu nem quero você acredite nisso nesse momento.

Apenas faça sua inscrição, assista e depois me diga se o que você aprendeu faz sentido ou não. Combinado?

Clique aqui para se inscrever na aula: “Como Ganhar de R$ 1 mil a R$ 5 mil por Mês Com Dividendos”

Bons investimentos!

Ebook Grátis: Como Investir no Tesouro Direto
Como Investir Com Rendimento
  • Passo a Passo como investir
  • Qual o melhor título para investir
  • Rentabilidade de cada título
  • Prática do início ao fim
  • Um das melhores aplicações atualmente
  • Saiba porque fugir da poupança